Sincoverg

Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários no Transporte de Passageiros, Urbano, Suburbano, Metropolitano, Intermunicipal e Cargas Próprias de Guarulhos e Arujá em São Paulo

Guarulhos, 23 de Setembro de 2017

Por condutores

A conquista do voto feminino

É preciso conscientizar nossa sociedade que somos todos iguais e devemos ser tratadas com o mesmo respeito que tratamos o próximo.

Mulheres protestaram contra o machismo e violência contra a mulher
Mulheres protestaram contra o machismo e violência contra a mulher

 

Foi no dia 24 de fevereiro de 1932, no governo de Getúlio Vargas, que as mulheres passaram a ter o direito a votar.

O direito das mulheres votarem só foi conquistado depois de muitos anos de reivindicação, discussão e intensa campanha nacional pelo direito ao voto. A campanha foi iniciada antes mesmo da Proclamação da República e, quando aprovado, somente as mulheres casadas com autorização dos maridos, viúvas e solteiras que tivessem renda própria, poderiam votar. Apenas em 1934 todas as restrições do voto feminino foram eliminadas.

Hoje, até nos parece banal o poder de escolha, do voto, mas essa mentalidade dos anos anteriores nos mostra o quanto nossa sociedade é sexista e opressora.

Pegamos o direito do voto como exemplo, mas ainda hoje, quantas mulheres só saem de casa com a autorização do marido? Quantas mulheres tem medo de ir trabalhar com o receio de ser assediada a qualquer momento?

Basta! É preciso conscientizar nossa sociedade que somos todos iguais e devemos ser tratadas com o mesmo respeito que tratamos o próximo.

#NósSomosAResistência