Sincoverg

Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários no Transporte de Passageiros, Urbano, Suburbano, Metropolitano, Intermunicipal e Cargas Próprias de Guarulhos e Arujá em São Paulo

Guarulhos, 19 de Setembro de 2019

Por condutores

“…a empresa é que tem dívida com o trabalhador!”

Esta negociação é um divisor de águas. O setor patronal não se esquecerá tão cedo
dessa categoria 100% paralisada, de braços cruzados

Companheiros,

No final de maio aprovamos com toda a categoria, aqui na rua Jaiminho, o aumento de 10% para todos.

Depois de uma negociação dura, num momento difícil para o nosso país que enfrenta uma grave crise econômica, o sentimento é o de dever cumprido.
De forma pacífica, unidos e coesos, não cedemos a nenhum argumento do setor patronal, que mais uma vez tentou, porém sem sucesso, fazer com que nós, trabalhadores, pagássemos a conta.

Esses mesmos empresários que fazem, na surdina, queixas contra a prefeitura que não realiza o repasse dos subsídios, mas que se negam a enfrentar o problema junto ao poder público e querem nos transformar em inimigos porque defendemos o nosso direito de ter salários mais justos e melhores condições de trabalho.

Esta negociação, além das conquistas obtidas, mostrou a todos os patrões que a nossa categoria mudou. Não foi uma mudança dos princípios e responsabilidade com que sempre encaramos o trabalho. Não foi uma mudança, também, nos cuidados que sempre demonstramos, transportando inúmeras vidas.

Foi uma mudança facilmente percebida por todos. É uma categoria que amadureceu profissionalmente, conhecedora de sua capacidade e de seus direitos.

Os empresários tiveram uma pequena amostra quando nossa categoria aderiu ao protesto de algumas centrais sindicais contra a PL 4330.

De forma ordeira, sem nenhum incidente, 100% da categoria cruzou os braços, demonstrando seu descontentamento e que é totalmente contrária a terceirização de serviços; que não irá aceitar a violência aos direitos já conquistados com muitas lutas e que UNIDOS, dificilmente, serão vencidos.

Esta negociação é um divisor de águas. O setor patronal não se esquecerá tão cedo dessa categoria 100% de braços cruzados.

Com certeza, nas próximas negociações, vamos ser vistos como uma categoria que cresceu e sabe muito bem a força que tem.

Este é um momento também de agradecimentos: Primeiramente, a Deus, que desde o início estava no comando e soube nos dar sabedoria para não entrar no jogo de algumas pessoas, que se escondem de forma covarde para difundir boatos e inverdades, com o único objetivo de tumultuar as negociações;

Agradeço toda a diretoria do SINCOVERG, que não mediu esforços para transformar essa campanha num sucesso;

Agradeço também a militância que nos ajudou na elaboração da pauta, esclareceu as dúvidas da categoria, participou das assembleias e se entregou de cabeça no projeto do SINCOVERG;

E, claro, não poderia deixar de agradecer a esta categoria que depositou sua confiança neste presidente e em toda a sua diretoria e militância.

Esta categoria, que tanto me orgulho de fazer parte, mostra a cara, defende seus direitos, luta por suas conquistas mas NUNCA esquece da importância de seu trabalho: TRANSPORTAR VIDAS com segurança e de bem com a vida.

Mais uma vez: OBRIGADO! Juntos somos mais Fortes!!!