Nosso trabalho e vida é sobre rodas

Compartilhe essa notícia:

Condutoras e condutores, lembrarei e contarei aqui um pouco de minha história.

Sou um condutor que venceu e procura continuar vencendo, assim como qualquer um. Fui metalúrgico e desenhista gráfico, formado pelo Senai, que nos anos 90, assim como muitos, sofreu com a crise econômica, procriada por FHC.

Desempregado e com filhos para alimentar, fui à luta e para poder honrar minhas responsabilidades, me tornei condutor. Comecei como ajudante de carga na Itapemirim, fui promovido a Auxiliar de Escritório, mais tarde, Auxiliar de Tráfego. Novamente FHC me pegou e desempregado outra vez tornei-me cobrador na EOG, passei para Guarulhos Transporte e fiz escolinha, sendo promovido à manobrista, e depois motorista profissional.

Militei como oposição ao Sincoverg me tornando dirigente. Nesse período de militância foram diversos os percalços, em 2002, logo após a morte do presidente Maurício Alves Cordeiro, fui contra a criação do Flexível, proposta feita pelo prefeito de Guarulhos e pelo então presidente do sindicato, com a desculpa de criar mais vagas de empregos, com isso mais carros na rua. Nada disso aconteceu.

Na falência da Canarinho, o então presidente aceitou um acordo para pagar os trabalhadores em 36 meses e até hoje temos inúmeros companheiros que não receberam 1 (um) centavo da empresa. Este presidente que assumiu com a morte do Maurício, ainda assinou um acordo criando o Trainee por tempo indeterminado, o companheiro treinava a vida inteira sem ser promovido a motorista e a Dupla Função já comia solta.
Fui contra todas essas mazelas e devido minha posição fui expulso do sindicato junto com alguns companheiros, entre eles Reginaldo Alcântara Ribeiro.

Em 2004 retornei com a ideia de reconstruir o sindicato e, em uma manobra do novo presidente eleito, foi criado o Leve. Novamente fui contra, sendo expulso mais uma vez e de forma independente liderei mais uma greve. Com isso conseguimos afastar o presidente e o companheiro José Roberto da Silva assumiu o sindicato.

Com muito esforço conseguimos terminar o mandato e só em 2008 fui eleito como presidente do Sincoverg, junto com diversos companheiros e integrantes de oposição.
Passamos por um processo de democratização com a participação ativa da categoria, dessa forma começamos a conquistar aumentos salariais acima da inflação, reajustes nos tickets, limitações no flexível, o fim do leve, entre outros.

Hoje estou presidente na entidade pelo segundo mandato e secretário geral na Federação Estadual dos Trabalhadores em Transportes e Trânsito da CUT (FESTTT-CUT), em meio a tudo isso retomei os estudos e pela luta diária junto com os trabalhadores, optei pelo Direito, me aprimorando nas questões trabalhistas.

Minhas ações a frente do Sincoverg me proporcionaram convites para entrar na política e pelo PT fui eleito vereador suplente em 2008, assumindo a vereância em 2011 e 2013, cargo que ocupo até hoje.

Pretendo continuar minha trajetória ascendente e para isso tenho que continuar trabalhando, lutando, mobilizando e unindo nossa valente categoria. O dia a dia comprova minha idoneidade e a do Sincoverg, e ano a após ano conquistamos vitórias como o PLR, PTS, Ticket nas Férias, Cesta Básica Gratuita, entre outros.

Durante o nosso mandato estamos lado a lado com a trabalhadora e o trabalhador, seja nas assembleias, seja no atendimento diário dos trabalhadores nas garagens, no sindicato ou na câmara municipal.

Amigas e amigos condutores, tenho orgulho de contar um pouco da minha história, pois como cada um de vocês passei por adversidades e enfrentei chuva, sol, trânsito, assaltos, carros ruins, quebras, acidentes, enfim, independente do que aconteceu durante todos esses anos, comecei condutor, continuo condutor e sempre serei condutor.

Vamos juntos, ainda há muito o que conquistar.
Um forte abraço de quem lutou, luta e lutará sempre ao lado de vocês,
Orlando Maurício Jr. Brinquinho
Presidente Sincoverg

A exemplo de milhares de trabalhadores, comecei como metalúrgico e nos anos 90 inicei minha trajetória de condutor na Itapemirim
Compartilhe essa notícia:

Veja também: