Sincoverg

Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários no Transporte de Passageiros, Urbano, Suburbano, Metropolitano, Intermunicipal e Cargas Próprias de Guarulhos e Arujá em São Paulo

Guarulhos, 25 de Agosto de 2019

Por condutores

PLR, reajuste de 5,07% ticket nas férias, cesta básica gratuita…

Vitória da Campanha Salarial garantiu todos os direitos em risco, inclusive a PLR que queriam tirar e afastou a possibilidade de termos em nossa categoria trabalho intermitente e banco de horas

Comissão de Trabalhadores presentes na Audiência no TRT
Comissão de Trabalhadores presentes na Audiência no TRT

 

Reajuste de 5,07% para toda categoria é importante, mas, nossa vitória se dá pela conquista de TODOS OS DIREITOS de nossa convenção.

Com isso, o plano de saúde familiar, o convênio odontológico, a cesta básica gratuita, o PTS (prêmio por Tempo de Serviço e o ticket nas férias, estão garantidos!

Tivemos uma vitória enorme com a permanência da PLR de R$ 1.300,00, que os empresários queriam tirar a todo custo.

E, não menos importante, barramos o Trabalho Intermitente e a Criação do Banco de Horas, que, além de prejudicar em nossos salários, causaria uma onda de demissões em nossa categoria.

  • Reajuste linear de 5,07%
  • PLR de r$ 1.300,00
  • Convênio médico familiar
  • Convênio odontológico
  • Ticket nas férias
  • Prêmio por tempo de serviço
  • Cesta básica gratuita
  • Cota de 15% para mulheres

 

Categoria terá R$ 1.300,00 de PLR

 
A participação nos lucros e resultados é o pagamento feito pelo empregador referente à distribuição do resultado positivo obtido pela empresa, o qual o trabalhador ajudou a conseguir.

Foi assim que conseguimos manter a nossa PLR, provando que realizamos a nossa parte e o TRT só validou a nossa PLR por conta das metas e regras.

Veja ao lado as regras da nossa PLR. A trabalhadora ou trabalhador que atingir as 04 metas recebe a PLR em sua totalidade, R$ 1.300,00 e o recebimento continua no retorno das férias, exceto nos casos:

a) Quem retornou das férias em janeiro e fevereiro, recebe em julho.

b) Quem retornou em março, abril e maio, recebe em agosto.

c) Para os trabalhadores que não gozarem de férias ou por qualquer outro motivo não tenham recebido até o final do ano de 2019, a PLR será paga até o último dia de fevereiro de 2020.

 

Tabela de Metas PLR 2019-2020