Presidente da Sincoverg faz visita ao HBC para fiscalizar serviços prestados

Compartilhe essa notícia:

Na noite desta segunda-feira o presidente do SINCOVERG, Maurício Brinquinho, realizou uma visita de vistoria no HBC Saúde para fiscalizar a unidade.

A visita teve como intuito a avaliação dos serviços prestados, as condições de trabalho dos profissionais e principalmente se o hospital, parte da rede que atende o novo convênio de nossa categoria, tem capacidade de atender a nova demanda de trabalhadores e trabalhadoras com qualidade, segurança e eficácia.

Durante a visita, o presidente do Sindicato conversou com os trabalhadores e pacientes do hospital, ouvindo suas demandas e necessidades. Ele também se reuniu com a direção do hospital para discutir temas de gestão e fazer reivindicações de melhorias para o atendimento de qualidade para nossa categoria.

Exigências atendidas

Dentre as exigências que já haviam sido realizadas por nosso presidente, destaque para a solicitação pelo aumento de médicos plantonistas, aqueles responsáveis pelo atendimento de emergências, cuja a direção do hospital informou já ter realizado a contratação de 5 novos profissionais, 3 para o período diúrno e mais 2 para o período noturno.

Além da contratação de novos profissionais, outra reivindicação de nossa direção, que já foi atendida pelo hospital, era pela separação do local de espera de pacientes de ortopedia dos demais casos emergenciais, com o objetivo de separar os doentes infectados por enfermidades virais e/ou bacterianas, dos demais casos. A rede já disponibilizou um local temporário para a espera e os pacientes podem desfrutar de mais segurança durante o aguarde por atendimento.

Além disso, o tempo de espera foi outro tema debatido durante a vistoria, que exigiu da gestão da clínica a redução do tempo de espera, que durante o início de nossa inspeção era de 3 horas, mas durante o decorrer das conversas foi reduzido e até o final de nossa passada pelo local era de 90 minutos.

Embora a visita tenha sido positiva, para nosso presidente Maurício Brinquinho “Ainda existem melhoras que são importantes para atender nossa categoria com o adequado merecimento, e que a rede tem até 30 dias para respostas, caso contrário a categoria decidirá o futuro de nossa parceria.”

Compartilhe essa notícia:

Veja também: